CENTRAL DE ATENDIMENTO: 11 94244 1286 SEGUNDA A SEXTA, DAS 8H ÀS 17H48

Saiba mais sobre o curso de Psicologia e Serviço Social!

índice

psicologia e serviço social

[rock-convert-pdf id=”239″]

Quando o assunto é saúde, não podemos focar apenas o aspecto biológico. Na verdade, o estudo psicológico é essencial para a compreensão do indivíduo. Além da repercussão em si mesmo, todas as ações estão inseridas em um contexto social, onde também repercutem.

Nessa perspectiva, surgiu a necessidade de não considerar o estudo de cada pessoa como algo individual, mas, sim, com uma visão coletiva. É essa aliança que destaca a importância do curso de Psicologia e Serviço Social!

No entanto, como alinhar ambos os campos? Qual é a atuação do profissional psicólogo e assistente social? Onde conseguir essa capacitação? Ao longo do texto, você vai encontrar as respostas!

Veja como é a capacitação

O estudo das ciências humanas é o grande norte para a capacitação em Psicologia e Serviço Social. Cada pessoa tem os seus anseios, as necessidades, os traumas e as dores: tudo isso repercute na forma como ela se comporta.

Por outro lado, o comportamento causa impactos nas demais relações, seja com a família e com os amigos, seja no trabalho e na educação. Por isso, é preciso considerar os dois campos envolvidos!

Psicologia

[rock-convert-pdf id=”239″]

Quando pensamos em psicólogos, logo imaginamos a cena clássica: uma pessoa em um divã sendo ouvida e analisada por um especialista. Essa psicologia essencialmente clínica tem sofrido algumas mudanças ao longo dos anos.

O que antes era muito restrito a uma abordagem individual, cada vez mais, aborda questões sociais. De fato, isso é um grande desafio para a área! Porém, precisa ser cumprido, considerando a importância do contexto social para a formação do indivíduo.

Por isso, o curso de Psicologia e Serviço Social é uma excelente opção para quem gosta da área, visto que acompanha essa mudança de abordagem necessária para a assistência à sociedade.

Serviço Social

Por outro lado, o Serviço Social tem o foco mais voltado para o coletivo. Isso gera grande valor para o contexto social, com a análise das minorias e das desigualdades. Como isso interfere na formação do ser humano? É justamente a resposta buscada pela assistência social.

A partir dessa análise, são estudados projetos e ações capazes de assegurar os direitos humanos dos indivíduos. Em suma, o foco está nas diferenças existentes na sociedade e no modo como isso se expressa no contexto social.

Descubra como ocorreu a união das áreas

[rock-convert-pdf id=”239″]

Vimos acima que o contexto histórico da Psicologia direcionou para a limitação social da área. Isso significa que o acesso a esse tipo de profissional foi considerado elitizado, de modo que a maioria da população não pôde ter contato com o tipo de serviço oferecido.

Um dos fatos que reiteram essa percepção social tem relação com os atendimentos individuais, visto que a abordagem clínica ainda é muito marcante. Mas a transformação da abordagem tem feito com que cada vez mais pessoas possam ser atendidas. Um dos fatores que proporcionaram isso foi a união da Psicologia com o Serviço Social, já que ela trouxe a ciência em questão para o ambiente coletivo. Mas, afinal, como é a aplicação prática disso?

Conheça um pouco do mercado de trabalho

Na verdade, as aplicações são as mais diversas! Elas podem ser voltadas, por exemplo, para o sistema penitenciário, com o estudo da reinserção do detento na sociedade após o cumprimento da pena, ou para o ramo empresarial, com assistência psicológica e social para os colaboradores.

Por fim, tem grande relevância para a educação. Isso abrange uma ampla faixa etária, considerando que os estudos podem perdurar até as idades mais avançadas. Exemplo disso é a assistência prestada aos universitários de baixa renda que precisam mudar de cidade para frequentar a faculdade.

Saiba como é a atuação no cenário educacional

Vimos uma das aplicações da área que envolve Psicologia e Serviço Social no campo da educação. Considerando a relevância para o profissional, vamos abordar de maneira aprofundada como é a atuação nesse cenário.

A escola tem uma função importante na formação dos indivíduos. Isso não quer dizer necessariamente que serão ensinados valores sociais, mas, sim, que é um local de destaque para a socialização.

É na escola que se dá o primeiro contato próximo com pessoas que vivem em realidades diferentes. Então, além dos conhecimentos básicos oferecidos pelo sistema de ensino, há também a contribuição para a formação do indivíduo como sujeito crítico e inserido em uma sociedade.

Vale ressaltar que a demanda individual de um aluno pode representar, na verdade, uma necessidade coletiva. A análise dessas carências permite ao profissional promover medidas preventivas para solucionar maiores dilemas.

Quer um exemplo? Como seria a abordagem da escola caso houvesse um caso de suicídio entre os alunos? Nesse momento, seria fundamental a intervenção da psicologia e da assistência social para campanhas de prevenção ao suicídio e debate sobre o tema.

De fato, foi um exemplo pontual, mas mostra como o especialista deve considerar mazelas específicas e torná-las coletivas. Isso contribui para uma formação mais qualificada, alinhada com questões sociais e que promovam a construção global do indivíduo.

[rock-convert-pdf id=”239″]

Confira o trabalho da Pólis Cursos

Tem interesse na área e não sabe ao que recorrer? A empresa de educação Pólis Cursos oferece a capacitação em Psicologia e Serviço Social. O enfoque da abordagem é justamente o cenário educacional, o que é sinônimo de grandes oportunidades de atuação.

O curso forma especialistas capazes de melhorar a qualidade do ensino, tornando a escola uma agente ativa no manejo de relações sociais. Portanto, todo o projeto pedagógico e de aprendizado é pensado de maneira multiprofissional.

Para alcançar esse objetivo, são trabalhadas determinadas questões, como:

  • o contexto social do aluno;
  • a legislação e as políticas públicas no ensino;
  • o estudo de projetos político-pedagógicos;
  • os transtornos e as dificuldades de aprendizagem;
  • a melhoria da qualidade do processo de ensino-aprendizagem.

Essas são apenas algumas das competências abordadas no curso, mas já dá para perceber como são importantes para a melhoria do ensino básico.

Concluímos, enfim, que o curso de Psicologia e Serviço Social apresenta cada vez mais relevância para as ciências humanas. A união de duas áreas permite um trabalho mais amplo e efetivo na abordagem psicossocial do indivíduo. Já a atuação do profissional é ampla, mas com grande destaque para o cenário da educação, visto que as intervenções garantem um ensino e um aprendizado mais efetivos, com uma construção social do indivíduo mais qualificada.

Este conteúdo foi útil? Então, não perca mais tempo! Saiba mais sobre o curso oferecido pela Pólis!

[rock-convert-pdf id=”239″]

Pólis Cursos

Pólis Cursos

É uma organização fundada e dirigida por professores universitários atuantes há mais de 20 anos em cursos de graduação e de pós-graduação em diversas IES dos estados de São Paulo e Rio de Janeiro, período em que construiram sólida vivência no planejamento e coordenação de cursos.

Leia também...

No cenário contemporâneo, a saúde e segurança no ambiente de trabalho são questões de extrema relevância, pois afetam diretamente o...

No cenário da saúde, muitos profissionais têm sua formação baseada na excelência clínica, porém, nem sempre estão preparados para lidar...

A Prova de Título de Especialista em Medicina do Trabalho, emitida pela Associação Nacional de Medicina do Trabalho (ANAMT), é...

Escolha sua platafroma